loading please wait..

sobre o coemergência

Gravado diretamente da lavanderia da casa coletiva conhecida como Dissidência, o Coemergência se propõe a explorar temas importantes da nossa sociedade e da vida cotidiana, sempre à luz da relação entre os nossos mundos interno e externo. Partimos do princípio de que a maneira como percebemos e nos posicionamos no mundo está diretamente relacionada aos nossos referenciais, visões de mundo, emoções, hábitos e experiências prévias. Não há um mundo pronto lá fora, não há uma essência inerente aqui dentro. Queremos explorar a intersecção entre um e outro.

O que buscamos por aqui é dar atenção e iluminar ideias e iniciativas que estejam alinhadas com visões de mundo que acolham essa perspectiva, mais amplas e menos sectárias, lúcidas, compassivas e que incluam absolutamente todos os seres. Se você for um deles, puxe uma cadeira e sente-se com a gente, temos roupa para lavar.

podcasts

#6 Compaixão pra quê? (com Cristiano Ramalho) 7/02/2019

As tradições contemplativas do oriente são muito enfáticas ao apresentarem a compaixão como uma qualidade inata dos seres humanos. Mas com essa afirmação, pode surgir a pergunta: se somos compassivos por natureza, por que a compaixão é algo que precisa ser cultivado? Nessa conversa, Cristiano Ramalho, professor do Cultivating Compassion Training (CCT), programa criado pelo erudito tibetano Thupten Jinpa e oferecido pela Universidade de Stanford, na Califórnia, nos ajuda a elucidar essa e outras questões e tenta nos mostrar porque cultivar a compaixão é o melhor investimento que podemos fazer para enriquecer nossas vidas e relações. Conheça mais sobre o seu trabalho em: https://www.equilibrioecompaixao.com

(mais…)

#5 Cultivando Conversas Genuínas (com Kalyne Vieira) 17/01/2019

Como cultivar conversas genuínas? Por que ser escutado e escutar verdadeiramente alguém é tão importante? Como cultivar interesse e curiosidade pelos outros? Para estrear o ano, não poderíamos ter um episódio melhor do que esse e nem uma convidada mais especial que ela. Kalyne nos fala como é que a gente faz pra aprender a se escutar e escutar o outro e o quanto isso pode ser uma experiência que muda a nossa vida. Ela tem se dedicado a investigar e compreender como nos comunicamos. Para tanto, fez mestrado em comunicação, treinamentos em comunicação não-violenta, formação em coaching ontológico e tá se especializando em Filosofia Clínica. Paralelamente, ela vem trilhando um percurso de autoconhecimento e treinamento da mente.

#4 Saúde de dentro pra fora (com Daniel Cunha) 13/12/2018


Daniel CunhaQuais são nossos referenciais quando falamos sobre saúde e doença? É possível pensar nesses temas levando em conta nossos mundos interno e externo? Neste episódio tivemos a oportunidade de conversar com nosso querido amigo Daniel Cunha, jornalista, professor do programa CEB (Cultivating Emocional Balance) e editor deste podcast, sobre sua experiência com o adoecimento. Numa conversa sincera e empolgante, Daniel nos conduziu para sua jornada diante do diagnóstico de uma doença degenerativa até a descoberta do seu mundo interno, das práticas contemplativas e contou como isso alterou sua forma de experienciar e compreender as noções de saúde e doença. Ele compartilhou algo precioso: é possível transformar a mente que produz adoecimento na mente que cura.

#3 A generosidade como caminho (com Carolina Bernardes) 29/11/2018


É possível sobreviver apostando exclusivamente na bondade humana? A entrevistada da vez é a querida amiga Carolina Bernardes, que traz em sua bagagem a bela experiência de ter vivido por alguns anos na estrada à base de trocas e da generosidade das pessoas com quem se encontrava. É autora do livro “Mulher na Estrada, Liberdade para realizar sonhos”, disponível gratuitamente na loja do Kindle, escreveu sobre essa experiência e ainda traz reflexões sobre economia colaborativa, autonomia, feminismo e vários outros temas.

#2 Liberdade frente às emoções (com Isabella Ianelli e Nathália Roberto) 15/11/2018

Nesta conversa sobre as emoções, Isabella Ianelli e Nathália Roberto, professoras do programa CEB (Cultivating Emocional Balance), falaram sobre como podemos cultivar um certo grau de liberdade frente à “tirania das emoções” e aos “trocinhos que nos desestabilizam”. A mensagem deixada por elas não podia ser mais animadora: sim, é possível! Conheça o trabalho delas em www.ocursodasemocoes.com.br

#1 Como viver uma vida com sentido? (com Gustavo Gitti) 1/11/2018

Gustavo Gitti

No primeiro episódio, o convidado Gustavo Gitti falou sobre o que seria uma vida com sentido e trouxe sua perspectiva sobre por que a compaixão é o referencial de felicidade mais estável que podemos aspirar ter. Também falou mal sobre a nossa lavanderia, o que não foi lá muito elegante. Bastante ativo nas redes sociais, Gustavo é coordenador da comunidade de transformação online “o lugar” (olugar.org), professor de Taketina, escritor e um entusiasmado praticante budista. Você também pode encontrá-lo e apoiar seus movimentos no site www.gustavogitti.com.

quem somos

Daniel Cunha

Jornalista aposentado, documentarista fracassado, editor de vídeos ultrapassado, DJ frustrado, zagueiro cansado, rimador talentoso. Anda animado com essa coisa de podcast e está achando que agora vai. Siga em @daniel.cunha.7

Alisson Granja

Criador do jiu-jitsu contemplativo. Mente luminosa, recebeu em 2018 ano o título de melhor participante de "brainstorms" do hemisfério sul. Pense num curso, ele já fez. Pense num assunto aleatório, convide-o para um passeio e seja feliz. Siga em @alisson.so

Manuela Laranjeira

Camaleã de escorpião, mestra das enfermarias, pianista clássica, acrobata do yoga, agulheira do corpo alheio, e ainda encontra tempo pra sentar em silêncio e espalhar o amor por aí. Siga em @manularanjeira

Marcus Telles

Historiador das galáxias, cozinheiro iconoclasta, dono dos textos mais longos e profundos que sua rede social favorita já publicou. Riso frouxo, rostinho angelical e coração gigante, o amigo que você queria também pode ser seu, é só dar o play. Siga em medium.com/@marcustelles

Kalyne Vieira

Paraibana dona do passe mais disputado entre as repúblicas de São Paulo e dos ouvidos mais atentos de terras brasilis. Ego invisível, coração que transborda. O bagulho ficou doido? Chama a Kalyne que ela resolve. Siga em @kalynevieira

contato

Quer falar com a gente? Manda uma mensagem, um zap zap ou sinal de fumaça!

Segue nóiz no Facebook e no Instagram também : )